segunda-feira, 14 de abril de 2008

A/C Maria Paula Letti

Entre as coisas que eu mais gosto de fazer estão ouvir
admirar
aconselhar
descobrir.
Observo muito mais do que falo.
Sou fascinada pela vida, pelas esquinas, pelos caminhos, pela trajetória. Torta, não reta. Amo não ter chegado ao meu destino, e mais: sequer saber o que me espera. Agradeço por não ser pragmática, por ser intuitiva, por deixar estar, por ser leve e não seca, por imaginar. Juntar histórias, pessoas, dramas sem dramatizar. E quando encontro um bilhete de estacionamento de seis anos atrás no meio do livro das Mil e Uma Noites? Me lembro de quando ganhei este livro. E de como era a minha vida naquela época. Descubro que sou outra
outra melhor.
Nada é mais intenso do que descobrir. Descobrir que crescer é bom, mas dói. E que tem uma porção de coisas assim.
Quero ser profunda
profunda no que eu acredito
profunda no que eu sinto
e viver profundamente cada calçada, cada casa, cada etapa.
Ter 27 e não 30.
Prefiro ter errado do que nunca ter tentado.
Vivo em ciclos. De dois anos e meio...
ainda bem. Coisa chata saber tudo sobre tudo o tempo todo.
Por (in)segurança escrevo isso pra mim, pra que eu nunca me esqueça de como me sinto hoje, na certeza de que amanhã já não sou a mesma.

5 comentários:

maysa disse...

Apesar de me sentir insegura às vezes, também gosto das incertezas.
Desde as coisas mais simples como não saber o que vou comer no almoço, até as mais complicadas, do tipo: serei mãe um dia???
Vai saber, a vida perderia a graça se soubéssemos de tudo antes.
Como é bom o frio na barriga, aqueles que acontecem num encontro inusitado, não esperado, quando ganhamos um presente e nem é nosso aniversário ou quando um amigo que não vemos há anos nos telefona.
Gosto quando a vida me surpreende, me provoca, me instiga a querer sempre mais. Parado não dá pra ficar.Então corro e vou em busca do que me faz feliz! Descobri que meu sorriso é muito mais bonito do que minhas lágrimas e é isso que eu quero pra mim.Sempre. That´s all.

Joelma disse...

Que delícia isso. Que delícia tu, Maria Paula! E vem coisa boa pela frente, nessa vida de ciclos curtos. Entrei aqui e antes de ler deu vontadinha de brindar contigo nessa fotona linda. Que venha tudo que tem que vir. beijo gatona!

maria paula letti disse...

Lindas! Adoro vocês. Vocês são um presente do Maneco pra mim! São vocês que fazem isso aqui acontecer! ;p

*************

Má, obrigada por presentear meu quase ex blog com esse texto lindo. Quando li no teu blog sobre o silêncio, percebi que escrevíamos sobre a mesma coisa ao mesmo tempo, ontem à noite. Sincronia entre amigas, acredito mais que tudo.

Jojô, o brinde ali de cima é de Coca-Cola, que eu não tenho medo nem de brindar com água. Tu será sempre minha convidada em qualquer tipo de brinde!!! Que ótimo te ter por perto :)

Beijos cheios de emoção

maysa disse...

Com toda a certeza é a sincronia!hehe...Não precisa agradecer! É sempre um prazer poder te ajudar! estamos aí para o que der e vier...beijos

Larissa disse...

Que fotinha mais fofinha ali em cima.